Lembra do firma pé?

BNR-Firma-pe
Lembra do firma pé?,

Curiosidades, Review

35

Quem começou no ciclismo ou mountain bike a 30 anos atrás irá se lembrar do velho companheiro de pedaladas, o Firma Pé, um conjunto com correias de couro ou nylon, e suportes de plástico ou de inox para encaixar os pés nos pedais e pedalar com mais eficiência.

O Firma Pé surgiu por volta de 1890 e era uma rudimentar evolução dos estribos utilizados nas selas de cavalos (local onde o cavaleiro encaixa os pés). Os modelos foram se aperfeiçoando e surgiram tipos bem parecidos com os firma pés de hoje, como o modelo americano Sager (1896), e finalmente em 1930 surgiram as correias de liberação rápida (similares ao tipos encontrados hoje), dando mais qualidade e simplicidade ao manusear o firma pé.

firma pé

O invento ajuda a pedalar com mais eficiência a mais de 100 anos.

Usado no ciclismo (road bikes), os firma pés foram amplamente utilizados por milhares de ciclistas no mundo todo, e com a chegada do pedais de encaixe na década de 80, o firma pé foi perdendo seu reinado aos poucos devido as qualidades e praticidades do novo tipo de pedal, mas ainda tem seus fãs, pessoas comuns que não se sentem muito a vontade com os pedais de encaixe mas concordam que a firmeza proporcionada pelo firma pé, principalmente na recuperação da pedalada (momento de puxar para cima o pedal), é algo que realmente funciona.
O pessoal das fixed bikes (bikes com relação fixa) utilizam diferentes versões de firma pé, como esta apresentada e outras mais simples.

firma pés - refletores

A instalação dos firma pés é feita na frente dos pedais, onde originalmente se encontram os refletores.

firma pés - encaixe curioso

Ao raspar a sola do tênis nesta saliência na parte de trás, o pedal gira e o pé entra no firma pé.

Funcionamento

É muito comum identificar erros na instalação das correias do firma pé, tornando o acessório ineficiente ou sem praticidade, pois para funcionar deve estar bem apertado no calçado do ciclista, tendo realmente o aproveitamento da força aplicada aos pedais tanto na descida quanto na subida do movimento da pedalada.

A correia de liberação rápida deve ficar na lateral externa dos pedais, estando acessível para receber um leve toque dos dedos do ciclista para liberar a força de aperto, facilitando assim a retirada dos pés, e para fechar, a ponta da correia deve ser puxada pelo ciclista assim que ele estiver pedalando a bicicleta, pois o primeiro pé pode ser travado com a bike parada mas o segundo não, a menos que ele esteja encostado em alguma coisa ou seja expert em equilíbrio.

Usado da maneira correta (bem apertado), o firma pé oferece risco maior ao ciclista do que os pedais de encaixe, já que é necessário usar usar as mãos para liberar o sistema de aperto.

Liberando o firma pé

Para liberar o aperto da correia é só encostar na ponta da fivela.

Fechando o firma pé

Para apertar o pé no pedal é só puxar a correia com a bike em movimento, complicado?

Observe o caminho que a correia deve fazer, passando pelo pedal e subindo até o firma pé.

Observe o caminho que a correia deve fazer, passando pelo pedal e subindo até o firma pé.

Mesmo com as correias afiveladas é possível liberar os pés, tocando na ponta da fivela.

Mesmo com as correias afiveladas é possível liberar os pés, tocando na ponta da fivela.

Para que a fivela trave a correia, mantendo o aperto, escolha este caminho.

Para que a fivela trave a correia, mantendo o aperto, escolha este caminho.

Sem dúvida, o Firma Pé deixou sua grande contribuição na história da bicicleta em mais de 100 anos de existência, e é pelo menos avô dos modernos pedais de encaixe de hoje, sendo encontrado com facilidade em inúmeras lojas pelo mundo.

Bom Pedal (com ou sem firma pé)!

Tags: ,

Sobre o Autor

Edu Capivara é Delegado Internacional do Biketrial no Brasil desde 1991 e introdutor do esporte em meados da década de 80. É amigo pessoal de Pedro Pi, o inventor do Biketrial e de toda a cúpula da BIU (Biketrial International Union) . Profundo conhecedor do mundo da bike, começou suas aventuras em modalidades como o BMX e o Mountain Bike no início desses esportes no Brasil. Já participou de campeonatos mundiais de biketrial pelo mundo todo, inclusive do primeiro, em 1986 na Europa.

Comentários (35)

  1. Neivaldo

    Boa noite, o firma pé, eu ainda pedalo com ele, gosto muito, além de ser mais simples e mais rápido na hora que precisar soltsr o pé.

    Responder
    • Edu Capivara

      Muito legal Neivaldo. Usei por muito tempo, e agora vou instalar na minha fixa. ;)

      Responder
    • Marcos

      Será que eu posso usar sem a fita que aperta o pé? queria apenas para disciplinar o pé ficar no lugar correto da pedalada.

      Responder
      • Edu Capivara

        Oi Marcos, não é muito aconselhável, usando da maneira certa, sem apertar muito as correias ele não funciona (o princípio de pedalar com as 2 pernas ao mesmo tempo).
        O firma pé fica virado para baixo por causa do peso, e dá um certo trabalho colocar o pé nele corretamente, tanto que muita gente acaba pisando no outro lado do pedal, e o firma pé acaba pegando no chão, fica todo riscado!
        Os pedais plataforma (são um pouco maiores), dão mais liberdade ao ciclista, pois podemos pisar com qualquer parte do pé que eles amparam, rsrsrsrsrsrs.
        Abraços;
        Edu Capivara

        Responder
    • Fernando Campoi

      Oi Marina. Tudo bem? Você encontra firma pés em quase todas as lojas que vendem bikes, acessórios e peças, tente nas bicicletarias do seu bairro, é bem provável que você encontre. Alguns modelos para as bikes fixas, diferentes desses da matéria são mais difíceis de encontrar, são uns modelos que usam velcro e não correias. Um abraço

      Responder
  2. Guilherme

    Oi. Sou amputado da perna esquerda ñ utilizo protese mas consigo andar “normalmente ” de bicicleta mas quando o pedalo preciso ficar voltando o pedal afinal ñ possuo a outra perna para continuar o pedalando nessa minha questão vcs acham que um firma pé resolveria a questão na puxada para cima ou teria que ser outro sistema ? Se puder me ajudar desde já agradeço.
    Abraço guilherme

    Responder
    • Fernando Campoi

      Olá Guilherme. Tudo bem? Achei muito legal sua atitude, sem preguiça, sem lero lero. Pedala e pronto!!! Parabéns! Você já tentou usar pedal clip? Pode até parecer assustador, mas basta girar o pé no pedal que o pé desencaixa, enquanto que o firma pé é mais arriscado porque se você não deixa-lo muito folgado, só tirando o pé pra trás para escapar de um tombo. Eu acredito que isso pode mais atrapalhar do que ajudar. No seu caso, ter a opção de puxar a pedalada, ou como dizemos, pedalar também pra cima, vai ajudar muito no conforto, na performance e no exercício em si. Eu tenho que fazer isso obrigatoriamente por causa da minha tendinite e com você seria bem prático também. Se você tiver algum amigo que tenha um pedal de encaixe e uma sapatilha do seu tamanho, peça para ele te ajudar com isso, e se quiser fazer o mesmo com o firma pé, você poderá sentir como proceder nas duas situações. ;)

      Responder
    • Fernando Campoi

      Oi Gulherme. Esqueci de perguntar. Você é de qual Estado/Cidade? Toparia fazer uma matéria com a gente? Abraço!!!

      Responder
  3. Nildomar

    Olá, Caros

    Sempre curti bike e agora a utilizo para ir ao trabalho, o firme pé é recomendado para este tipo de atividade?
    Trafego em avenidas com semafaros, cruzamentos etc, coisas de cidade. Pesquisei e encontrei alguns firma pé sem correias, poderia ajudar no rendimento da pedalada?

    Muitíssimo obrigado !!

    Responder
    • Edu Capivara

      Olá Nildomar, tudo certo?
      Já usamos vários tipos de firma pé, curtos, longos, com e sem correias, mas para pedalar efetivamente com as duas pernas ao mesmo tempo (uma empurrando o pedal, e a outra puxando), o firma pé deve estar bem apertado no tênis, e é mais perigoso que o pedal clipe/sapatilhas.
      Mas para que trabalha com o mesmo calçado que pedala, esta seria a solução.

      Abraços;
      Edu Capivara

      Responder
  4. Ericson

    Olá a todos,

    Estou procurando fabricante apenas das fivelas metálicas do Firma Pé. Preciso desse acessório para a fabricação de um equipamento sem vinculo com o ciclismo, voltado a exploração de cavernas. Existe algum fabricante nacional?

    Desculpem a invasão do espaço para assunto paralelo!

    Abraços a todos

    Responder
    • Fernando Campoi

      rsrsrsrs. Não se preocupe Ericson! Seja bem vindo mesmo assim. Então, essa pergunta me pegou de surpresa, não sei te informar um fabricante dessas fivelas. Você diz essa com a molinha né? Já tentou o pessoal do Brás aqui em São Paulo? Vou perguntar para o Edu se ele sabe. Abraço

      Responder
  5. Welington

    Olá a todos,

    Sou iniciante no pedal e instalei o firma pé na minha bike, porem nas buscas pelo google vejo muitos ciclistas não aconselhado devido a a falta segurança, pois bem, não senti ainda esse perigo todo, estou utilizando bem fixo ao tênis, contudo ainda não encontrei tanta dificuldade em retirar o pé, mas de tanto falarem que o clip é mais seguro , fico com receio de adotar definitivamente o firma pé e adquirir um clip. Minha dúvida, o rendimento de ambos são semelhantes? Realmente existe essa falta de segurança no firma pé? Abçs

    Responder
    • Edu Capivara

      Olá Welington, tudo certo?
      Para um firma pé conseguir a eficiência do pedal clip você terá que pedalar com ele muito apertado, quase esmagando o pé, que é ruim para a circulação.
      Um firma pé muito apertado é mais perigoso que o pedal de encaixe. Usando bem apertado, como fizeram milhares de ciclistas pelo mundo, será necessário tocar com os dedos nas fivelas das correias para liberar os pés, coisa praticamente impossível de se fazer em situações de risco, por isso ele é perigoso, o pedal clip libera os pés de forma mais prática. Os pedais Click’r da Shimano facilitam 60% o encaixe os pés, e 62% na sua liberação, dê uma olhada nesse produto antes de decidir.
      Boa sorte, abraços;
      Edu Capivara

      Responder
  6. Elias

    Boa tarde a todos! Pergunta de leigo;ninguém ninguém tentou fazer algo para fixar na sola do calçado imitando o encaixe do clip? As sapatilhas estão com um preço elevado e acabo tendo que levar um outro calçado no trabalho. Desde já agradeço!

    Responder
    • Fernando Campoi

      Oi Elias!!!! Tudo jóia? Existe uma solução pra isso, é um adaptador que você encaixa no pedal clip e fica com uma plataforma para usar a bike durante a semana por exemplo, sem precisar instalar outro pedal ou usar a sapatilha. É muito interessante e já estamos em contato com o fabricante para trazer mais essa novidade para os nossos leitores comprarem em nossa loja. ;) Grande abraço!!!!

      Responder
  7. Hélio Ferreira da Silva

    Olá bom dia a todos, gostei muito da publicação sobre o firma pé, li ontem é já comprei o meu hj, até agora não tive problema nenhum, a explicação do site foi imprescindível na hora da instalação adequada, parabéns a todos do PEDALEIRA.COM

    Responder
    • Fernando Campoi

      Opa Hélio. Que legal cara. Muito bom mesmo!!!!! Agora é fincar os pés no pedal. Rsrsrs. Grande abraço

      Responder
  8. Raoni

    Excelente a matéria, parabéns.
    Ando com firma pé em uma das bikes e o que mais sinto falta é a rigidez da sapatilha pois os tênis comuns tem solado flexível e não distribuindo bem a tensão no pé acaba trazendo incomodo ao usuário mesmo com um pedal plataforma.

    Responder
    • Edu Capivara

      É verdade Raoni, um calçado mais firme não só em baixo, ajuda bastante.
      Abraços;
      Edu Capivara

      Responder
      • Raoni

        Uma dúvida, tenho o mesmo pedal wellgo desta matéria, ele tem uma pequena aba de alumínio na parte que fica próxima ao pedivela, não entendi se ela serve para afastar a cinta e não ficar raspando no pedivela ou se a mesma deve passar por ali por fora para facilitar a colocação do pé, procurei pela internet e encontrei as duas formas. Pela primeira foto da matéria parece estar por fora. Obrigado

        Responder
        • Edu Capivara

          Olá Raoni, tudo certo?
          A pequena aba descrita impede que a correia toque na pedivela, a correia deve passar por dentro desta aba, ficando mais próxima do calçado.
          Abraços;
          Edu Capivara

          Responder
    • Edu Capivara

      Valeu Camille!
      Abraços;
      Edu Capivara

      Responder
  9. Daniela Guimarães

    Olá! Gostaria de saber se existe firma pés para bicicleta infantil.Se sim,onde eu encontraria?
    Desde já agradeço!

    Responder
    • Edu Capivara

      Oi Daniela, não existe, eles são “tamanho único”. Não é perigoso para a criança usar esse componente?
      Abraços;
      Edu Capivara

      Responder
  10. Renato Quixadá

    Tenho uma dúvida eu tenho uma caloi 10 e geralmente utilizo ela em estradas seria aconselhado um pedal firma pé enquanto não tenho condições de comprar as sapatilhas

    Responder
    • Edu Capivara

      Oi Renato, o firma pé usado da maneira correta é mais perigoso que o pedal clip, pois precisa da mão para afrouxar a correia. Quanto a sua funcionalidade, você pode melhorar a performance, pois irá pedalar com as 2 pernas ao mesmo tempo.
      Abraços;
      Edu Capivara

      Responder
  11. Cândido Silva

    Foi o único local que eu vi ensinando a instalar o firma pé na bike! Obrigado! Sou um grande fã do canal de vocês!

    Responder
    • Edu Capivara

      Oi Cândido, que bom que pudemos ajudar, qualquer coisa é só escrever ok?
      Abraços;
      Edu Capivara

      Responder
  12. cesar nunes

    quero comprar um firma pê de velcro….onde comprar?

    Responder
    • Edu Capivara

      Oi Cesar, deve ter em lojas que vendam bikes Fixas.
      Abraços;
      Edu Capivara

      Responder
    • Edu Capivara

      Oi Bruno, a passagem da correia é a mesma, só que na “foto com o pé” a ponta que sobra da correia, foi enfiada no corte da fivela, o que torna o uso ainda mais difícil, já que o firma pé só funciona bem apertado, puxando a ponta da correia depois de colocar o pé.
      Abraços;
      Edu Capivara

      Responder

Deixe uma resposta