Como alugar uma bike no Parque Ibirapuera?

Dá para pedalar no parque mesmo sem ter bicicleta, alugar uma é bem fácil!

A ideia de ir pedalando de casa até o parque ou mesmo levar a própria bicicleta no carro pode ser difícil para muitos ciclistas. Outros simplesmente não tem bicicleta, mas querem pedalar.
Pra tirar todas as suas dúvidas sobre como alugar uma bike e se comportar com ela dentro do parque, fomos até o Ibirapuera aqui em São Pulo. Ele é um dos 10 melhores parques do mundo e conta com uma ciclofaixa interna com 3Km de extensão.

img-Alugando_Bike_No_Ibirapuera_16

img-Alugando_Bike_No_Ibirapuera_01

Alugar uma bike é muito simples e custa a partir de R$5,00 a hora, e na primeira locação você tem que trazer o RG, CPF ou CNH originais com foto recente e um comprovante de endereço para o pessoal fazer o seu cadastro e facilitar sua vida nas próximas locações, quando você precisará informar apenas o número do seu CPF.

Todos tem que assinar um contrato simples, ele contém informações e regras importantes sobre a locação, você fica com uma via e eles com a outra, no final é só apresentar sua via ao funcionário que race as bikes de volta.
As tendas para locação das bicicletas ficam próximas ao portão 3 do parque do Ibirapuera.

img-Alugando_Bike_No_Ibirapuera_02

O cadastro para alugar uma bike é simples, um documento original com foto e um comprovante de endereço.

img-Alugando_Bike_No_Ibirapuera_03

Eles tem disponíveis bikes individuais, triciclos individuais e triciclos família que também devem trafegar pela ciclovia e são específicos para idosos ou deficientes físicos.

img-Alugando_Bike_No_Ibirapuera_05

O triciclo família é destinado a deficientes físicos e idosos.

img-Alugando_Bike_No_Ibirapuera_06

Você se cadastra e escolhe a bike, o próximo passo é pegar o capacete ou usar o seu, e retirar a bicicleta com o pessoal, que vai ajustar a altura do selim e fazer as últimas checagens.
A partir do momento em que você subiu na bike, a responsabilidade por ela e pela condução dela é toda sua, e para que não ocorram acidentes, siga todas as normas e também as leis do parque.
Empinar a bike? Nem pensar, resista à tentação! Elas não foram feitas pra isso e nem para qualquer outro tipo de manobra, tem um aviso no quadro alertando.

Correr ou apostar corrida dentro do parque? Também não pode, imagina se você atropela alguém, uma criança ou um idoso? Dor de cabeça pra todo mundo. O importante é você curtir o pedal com consciência e respeito, o limite de velocidade na ciclofaixa interna do parque é de 20Km/h.

img-Alugando_Bike_No_Ibirapuera_08

Com a bike alugada não é permitido apostar corrida, empinar ou fazer qualquer tipo de manobra, ela não foi projetada para isso!

Na pausa para o xixi a bike ficou largada! Não é uma boa idéia, caso a bike seja roubada, lembre-se que você é responsável por ela, então nunca deixe a magrela encostada por aí sem a sua supervisão nem a empreste para outra pessoa.

img-Alugando_Bike_No_Ibirapuera_09

Se tiver que ir ao banheiro, peça para um amigo cuidar da bike, e se você aluga sempre, tenha seu próprio cadeado ou tranca, é pequeno e barato!

Respeite os pedestres, ciclistas, skatistas, patinadores, etc. Há faixas para travessia espalhadas por todo o parque, dê passagem, seja gentil, pedale sempre na ciclofaixa e não fora dela para evitar atropelamentos. Lembre-se, o parque é de todos e saber compartilhar o espaço é fundamental.

img-Alugando_Bike_No_Ibirapuera_10

Pedale somente nas ciclofaixas, o risco de atropelar um pedestre existe, por isso fique atento as faixas de travessia espalhadas pelo parque.

Funcionários estão por todo parque orientando os ciclistas e também prestando suporte. Por exemplo, se a sua bike alugada apresentou algum defeito ou furou um pneu aqui dentro do parque, não precisa voltar empurrando até a base, basta ligar no número da sua cópia do contrato e um funcionário virá até você para substituir a bike e dar um acréscimo no tempo que você ficou parado sem pedalar.

img-Alugando_Bike_No_Ibirapuera_11

Funcionários da empresa de locação estão pelo parque para prestar assistência e orientar os ciclistas.

img-Alugando_Bike_No_Ibirapuera_12

Caso a bike alugada sofra uma avaria mecânica, ou fure um pneu, basta ligar para o número que está na sua cópia do contrato, que a bike é substituída sem custo. Não precisa voltar empurrando!

img-Alugando_Bike_No_Ibirapuera_13

Capacete e cadeirinhas para bebês são cortesia da empresa, é só pedir e um funcionário disponibiliza o capacete pra você e para a criança. Já as cadeirinhas devem ser instaladas apenas pelo funcionário qualificado e com a presença da criança para avaliação do peso dela. Eles ajudam a coloca-la na cadeirinha prendendo ao cinto de segurança e colocando o capacete nela. O cinto deve permanecer afivelado durante todo o período de uso da bike. Não sabe andar de bicicleta? De segunda a sexta um funcionário pode te ajudar a aprender. Ainda não sabe usar as marchas da bike? Assista o vídeo da Pedaleria para aprender ou peça uma bike sem marchas na hora da locação.
https://www.youtube.com/watch?v=oytMl0vT2B8

img-Alugando_Bike_No_Ibirapuera_14

Bikes com cadeirinhas estão disponíveis, os funcionários fazem a instalação e ajudam a colocar a criança e afivelar o cinto.

img-Alugando_Bike_No_Ibirapuera_15

Respeitando as regra e as recomendações do pessoal, sua diversão está garantida!

Bom Pedal!

<a href="https://pedaleria.com/autor/educapivara/" target="_self">Edu Capivara</a>

Edu Capivara

Edu Capivara é Delegado Internacional do Biketrial no Brasil desde 1991 e introdutor do esporte em meados da década de 80. É amigo pessoal de Pedro Pi, o inventor do Biketrial e de toda a cúpula da BIU (Biketrial International Union) . Profundo conhecedor do mundo da bike, começou suas aventuras em modalidades como o BMX e o Mountain Bike no início desses esportes no Brasil. Já participou de campeonatos mundiais de biketrial pelo mundo todo, inclusive do primeiro, em 1986 na Europa.

Veja mais

Crescendo no ciclismo com saúde

Crescendo no ciclismo com saúde

Muitos ciclistas querem criar uma rotina de treinos visando participar de competições, mas fazer isso sem orientação acaba levado esse ciclista a outro tipo de rotina, vários dias se recuperando das lesões causadas pelos excessos. Seja um ciclista amador, ocasional,...

Porta objetos para bike

Porta objetos para bike

Existem vários tipos de bolsas para quadro, mas também dá pra fazer modelos personalizados Quando repaginamos a Monark Barra Circular,  eu fiz um porta objetos redondo porque combina com o desenho da bike, agora eu quero propor outros modelos, para quadros...

Repaginamos a Monark Barra Circular

A Barra Circular é uma bike clássica, pau pra toda obra mas que merece um upgrade para virar bike conceito No passado, as bicicletas eram modelos únicos, tinha a masculina e a feminina, e eram usadas para tudo, serviam para o transporte, lazer e competição. Com o...

Comentários

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Cadastre-se em nossa Newsletter