Trocando o V-brake por freio a disco

Mais bonito, mais moderno, mais eficiente. Qual o seu motivo pra mudar para o freio a disco?

Os freios V-brake, quando bem regulados, são tão eficientes quanto os freios a disco, a diferença é que quando molhados demoram para se recuperar e voltar a frear, fato que não acontece com os freios a disco, eles se recuperam em poucos segundos.

img_Freios_a_Disco_Instalacao

Muitas Mountain Bikes antigas não tem o suporte para pinça de freio, impossibilitando a instalação de freios a disco. Atualmente acontece o inverso, muitos modelos de quadros não permitem a instalação dos V-brakes, apenas freios a disco.

Os V-brakes atuam nas bordas dos dos aros, que equivalem a um grande disco de freio, cerca de 57cm nas bikes aro 26”, por isso eles funcionam bem quando estão bem regulados, mas mesmo assim muita gente quer trocar e até virou sonho de consumo ter uma bike com freios a disco.

Se você já se decidiu, vai trocar os V-brakes por freios a disco, seja pela estética ou buscando um freio mais potente, saiba que é possível encontrar tanto um quanto outro com e sem qualidade, e um freio a disco ruim é pesado e pior que um V-brake bem ajustado, portanto saiba escolher o seu.

Outro ponto que você deve observar é se o quadro e a suspensão possuem os suportes para as pinças de freio, aquela torre sobre a gancheira da roda traseira e na base da suspensão dianteira, sem eles não dá pra instalar os freios.

img_Freios_a_Disco_Suporte_IS

O suporte da pinça de freio, detalhe comum nos quadros de MTB atuais.

Se você optou por freios a disco mecânicos (a cabo), poderá manter as manetes de freio dos V-brakes, se o modelo for hidráulico não dá, eles já vem com o sistemas de manetes com reservatório de óleo.

BT-Compre-aqui

A troca não é complicada, mas tem que trocar os cubos normais por outros com suporte para o disco de freio, também conhecido por rotor. Se você vai montar ou encomendar a montagem de uma bike mas ainda não vai colocar os freios a disco, já inclua pelo menos os cubos com suporte para disco, assim, se você quiser colocar esse tipo de freio depois dá até pra fazer a instalação em casa, não vai precisar centrar as rodas novamente.

img_Cubos_Para_Freios_a_Disco

O disco de freio ou Rotor fica instalado na flange do cubo, repare a diferença entre estes cubos traseiros.

Para finalizar, podemos retirar os pinos Boss, aqueles pinos onde os V-brake são instalados, fica mais bonito e menos perigoso para o ciclista.

img_Retirada_dos_Pinos_do_Freio_V-brake

Se você tirou os V-brakes, retire também os pinos “Boss”, fica mais seguro!

Conheça os detalhes do freio a disco mecânico e das regulagens do V-brake neste link e neste também.

Bom Pedal!

<a href="https://pedaleria.com/autor/educapivara/" target="_self">Edu Capivara</a>

Edu Capivara

Edu Capivara é Delegado Internacional do Biketrial no Brasil desde 1991 e introdutor do esporte em meados da década de 80. É amigo pessoal de Pedro Pi, o inventor do Biketrial e de toda a cúpula da BIU (Biketrial International Union) . Profundo conhecedor do mundo da bike, começou suas aventuras em modalidades como o BMX e o Mountain Bike no início desses esportes no Brasil. Já participou de campeonatos mundiais de biketrial pelo mundo todo, inclusive do primeiro, em 1986 na Europa.

Veja mais

Crescendo no ciclismo com saúde

Crescendo no ciclismo com saúde

Muitos ciclistas querem criar uma rotina de treinos visando participar de competições, mas fazer isso sem orientação acaba levado esse ciclista a outro tipo de rotina, vários dias se recuperando das lesões causadas pelos excessos. Seja um ciclista amador, ocasional,...

Porta objetos para bike

Porta objetos para bike

Existem vários tipos de bolsas para quadro, mas também dá pra fazer modelos personalizados Quando repaginamos a Monark Barra Circular,  eu fiz um porta objetos redondo porque combina com o desenho da bike, agora eu quero propor outros modelos, para quadros...

Comentários

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Cadastre-se em nossa Newsletter