Canote com cadeado

Prendendo a bike no poste pelo canote

Um dos produtos mais curiosos e também criativos que encontramos na Interbike 2014 foi o canote que guarda o cabo e o cadeado de proteção da bike.

Muita gente pergunta se não basta retirar o canote para sair pedalando a bike alheia, e a gente já vai avisando que não. Como você pode ver no vídeo, o cabo de aço deve ser passado por dentro do quadro e da roda traseira, então, mesmo retirando o canote com banco e tudo, o malandro ainda não conseguirá levar a bike. Após recolhido, fica tudo bem escondido e discreto logo abaixo do selim.

Uma idéia prática, que deixa o canote mais pesado, porém, para os usuários de bikes urbanas cuja prioridade é a segurança e não o peso da bicicleta, esse tipo de poduto vem muito bem a calhar. Resolve o problema de ter que carregar um cadeado separado em uma bolsa ou deixar pendurado na bike e ainda beneficia a questão estética da bicicleta.

Todo mundo sabe, não tem como esconder esse fato, mas ladrão quando quer, leva. Então, acredito que não existe um sistema 100% infalível para proteger nossas magrelas. Já somos assaltados quando compramos a dita cuja, deixando um terço do valor dela em impostos e pouca margem de lucro para o logista, então, agora é tentar protegê-la com cadeados pelo menos bonitos e discretos.

<a href="https://pedaleria.com/autor/educapivara/" target="_self">Edu Capivara</a>

Edu Capivara

Edu Capivara é Delegado Internacional do Biketrial no Brasil desde 1991 e introdutor do esporte em meados da década de 80. É amigo pessoal de Pedro Pi, o inventor do Biketrial e de toda a cúpula da BIU (Biketrial International Union) . Profundo conhecedor do mundo da bike, começou suas aventuras em modalidades como o BMX e o Mountain Bike no início desses esportes no Brasil. Já participou de campeonatos mundiais de biketrial pelo mundo todo, inclusive do primeiro, em 1986 na Europa.

Veja mais

Porta objetos para bike

Porta objetos para bike

Existem vários tipos de bolsas para quadro, mas também dá pra fazer modelos personalizados Quando repaginamos a Monark Barra Circular,  eu fiz um porta objetos redondo porque combina com o desenho da bike, agora eu quero propor outros modelos, para quadros...

Repaginamos a Monark Barra Circular

A Barra Circular é uma bike clássica, pau pra toda obra mas que merece um upgrade para virar bike conceito No passado, as bicicletas eram modelos únicos, tinha a masculina e a feminina, e eram usadas para tudo, serviam para o transporte, lazer e competição. Com o...

Comentários

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Cadastre-se em nossa Newsletter