Instalando roscas para suporte de garrafa no quadro

Solução para quadros que não tem o suporte de caramanhola.

Essas pequenas roscas para instalação de suporte pra garrafinha, “a caramanhola”, são muito comuns de se ver nos quadros, mas tem alguns que não tem, te obrigando instalar o suporte com braçadeiras, cintas de nylon, suporte aqui no guidão, etc, mas sabia que dá pra colocar caso o seu quadro não tenha?

img-Instalando_Revicler_01

img-Instalando_Revicler_09

Ferramenta – existem modelos parecidos com o rebitador POP, e também com essa configuração.

A peça é essa, um pequeno rebite com rosca interna, ele é conhecido como Pop Bolt, Rivnut ou Reviclair, e pra instalar você usa esse rebitador, muito parecido com um rebitador Pop.
Quando essa rosca está solta no quadro, também dá pra aperta-la usando essa ferramenta.

img-Instalando_Revicler_02

O Revicler, esse pequeno rebite com rosca interna, é o mesmo usado pelos fabricantes de quadros.

img-Instalando_Revicler_10

Na instalação do rebite, essa ferramenta necessita de uma chave inglesa ou fixa de 19mm.

Existem vários tipos de rebitadores, alguns deles parecidos com o rebitador POP, e o processo é muito parecido, instalar um rebite ou rosca em um local fechado, sem acesso ao interior.
As oficinas que oferecem esse trabalho, como a Anderson Bicicletas na Zona Sul de São Paulo, também instalam os rebites no alto do seatstay, com a finalidade de instalar um bagageiro nas bike que não vem com esse suporte original de fábrica. O serviço é procurado geralmente por cicloturistas e também para instalar cadeirinhas para levar crianças na bike.

img-Instalando_Revicler_04

Quadro sem suporte para bagageiro.

img-Instalando_Revicler_05

Rebite Revicler original de fábrica – aqui dá para instalar o bagageiro!

Para instalar os rebites, primeiro temos que achar o centro do tubo e marcar a posição. Na sequência coloque um suporte de caramanhola sobre a linha para determinar a altura.
Antes de furar, bata um punção ou prego de aço pra marcar os furos. O rebite certo para o suporte da garrafa é M4, tem 7mm de diâmetro, então a broca deve ter essa medida.

img-Instalando_Revicler_06

Marcando o centro do tubo e o locar dos furos, o trabalho fica limpo e profissional.

img-Instalando_Revicler_07

Marcando os furos com prego de aço para garantir que a broca não escorregue.

img-Instalando_Revicler_08

Feitos os furos, a gente vira a bike e dá umas sacudidas pra tirar as rebarbas que ficam dentro do quadro.

img-Instalando_Revicler_14

Alguns quadros tem roscas para suportes de caramanhola no Seat Tube e no Down Tube.

As caramanholas pode estar posicionadas no Seat e no Down tube, se você for instalar Seat Tube (o tubo do canote de selim), lembre que o canote pode pegar no rebite de cima se alguém for usar a bike com selim baixo, mas é normal isso.
Outro detalhe importante, quando o quadro é pequeno, só cabe garrafa pequena nesse tubo, e pra não limitar muito a área de ação do canote, o suporte da garrafa nesse tubo é colocado com um parafuso acima e outro baixo da braçadeira do câmbio dianteiro, então é um furo chato de fazer porque a posição de uso da furadeira é torta, por isso use brocas mais finas e vá abrindo os furos aos poucos, trabalhando pelos dois lados do quadro, inicie com a broca de 4mm, depois a de 5 ou 6mm, até chegar na de 7mm, que é a correta.

img-Instalando_Revicler_11

Se o quadro é pequeno, coloque nesta posição a garrafa pequena, fica mais fácil colocar e tirar a garrafa.

img-Instalando_Revicler_13

Quando a bike é equipada com câmbio dianteiro de braçadeira alta, o suporte da garrafa pode ficar fixado com um parafuso acima e outro abaixo da braçadeira.

Essa solução é boa pra bike e outros inventos onde o acesso a uma porca é impossível. As oficinas que oferecem esse serviço, cobram cerca de 30 Reais pelo par de rebites instalados, uma solução tão original, que passa desapercebida para que olha a bike com o suporte instalado.

BOM PEDAL!

<a href="https://pedaleria.com/autor/educapivara/" target="_self">Edu Capivara</a>

Edu Capivara

Edu Capivara é Delegado Internacional do Biketrial no Brasil desde 1991 e introdutor do esporte em meados da década de 80. É amigo pessoal de Pedro Pi, o inventor do Biketrial e de toda a cúpula da BIU (Biketrial International Union) . Profundo conhecedor do mundo da bike, começou suas aventuras em modalidades como o BMX e o Mountain Bike no início desses esportes no Brasil. Já participou de campeonatos mundiais de biketrial pelo mundo todo, inclusive do primeiro, em 1986 na Europa.

Veja mais

Crescendo no ciclismo com saúde

Crescendo no ciclismo com saúde

Muitos ciclistas querem criar uma rotina de treinos visando participar de competições, mas fazer isso sem orientação acaba levado esse ciclista a outro tipo de rotina, vários dias se recuperando das lesões causadas pelos excessos. Seja um ciclista amador, ocasional,...

Porta objetos para bike

Porta objetos para bike

Existem vários tipos de bolsas para quadro, mas também dá pra fazer modelos personalizados Quando repaginamos a Monark Barra Circular,  eu fiz um porta objetos redondo porque combina com o desenho da bike, agora eu quero propor outros modelos, para quadros...

Repaginamos a Monark Barra Circular

A Barra Circular é uma bike clássica, pau pra toda obra mas que merece um upgrade para virar bike conceito No passado, as bicicletas eram modelos únicos, tinha a masculina e a feminina, e eram usadas para tudo, serviam para o transporte, lazer e competição. Com o...

Comentários

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Cadastre-se em nossa Newsletter