Instalando o Super Cog no Cassette de 9 velocidades

O Super Cog foi desenvolvido para Cassettes de 10 velocidades, funciona no de 9?

Muitos ciclistas que acompanham a Pedaleria já escreveram perguntando se dá pra instalar o Super Cog nos conjuntos de 9 velocidades, e a resposta de sempre foi o não. Tecnicamente parece impossível, o Super Cog foi criado para Cassettes de 10 velocidades, e a largura das correntes é diferente, bem como o espaçamento entre as engrenagens do Cassette, mas fazendo as contas e também uns testes, vimos que é possível fazer essa adaptação.

img_Pedaleria_Super_Cog_no_Cassette_9_Velocidades

Não existem muitas opções de Cassettes de 9 velocidades com a engrenagem maior de 36 dentes, um deles é o HG 400, 12-36.

Muita gente quer fazer o upgrade na bike mantendo coroa única, e pra não perder o poder da redução de marcha, é necessário instalar uma engrenagem grande, capaz de vencer subidas íngremes, o Super Cog.

Essa combinação de marchas proporciona um pedalar mais descontraído mesmo em provas, pois o ciclista não tem mais que administrar as mudanças das marchas dianteiras, tendo na roda traseira engrenagens para planos, subidas e descidas.

O sucesso dessa adaptação parte do conhecimento pessoal de cada ciclista, suas necessidades, fraquezas, locais onde pedala e claro, tipo de prova que participa, resistência e fôlego também contam. É possível montar relações com foco em subidas (mais reduzidas) ou em descida (mais final), e até relações mistas, que de uma forma geral atenda bem suas expectativas. Além da facilidade do uso, a bike fica mais leve, pois retiramos duas coroas (bike com pedivela de 3 coroas), câmbio e alavanca de mudanças dianteira, reduzindo o peso em aproximadamente meio quilo.

O que é preciso?

Para montar o Super Cog no Cassette de 9 velocidades será necessário respeitar uma regra inicial, o Cassette deve ter a maior engrenagem com 36 dentes, engrenagens menores com 32 ou 34 dentes são incompatíveis com o projeto do Super Cog, pois a trajetória da corrente ficaria sobre os espaçadores originais do Super Cog, impedindo o engate.

img_Pedaleria_Super_Cog_40_e_42_Dentes_Coroa_Nerrow_Wide

Os Super Cogs de 40 ou 42 dentes exigem Cassettes onde a maior engrenagem tenha 36 dentes, os modelo de 32 ou 34 dentes esbarram nos espaçadores das hastes do Super Cog.

O trabalho no Cassette de 9 velocidades é o mesmo apresentado neste nosso outro vídeo ensinando instalar o Super Cog no modelo Deore 10 velocidades, onde as engrenagens são rebitadas. Para montar o novo conjunto é necessário retirar uma engrenagem para colocar o Super Cog. Se o modelo for um Sram, Sun Race ou Recon com todos os Cogs soltos, é mais fácil, para modelos Shimano XT e XTR, onde apenas parte das engrenagens é solta, deve ser retirado um Cog de 15 a 17 dentes, dependendo da marca e modelo do Cassette, mas se a maioria das engrenagens forem rebitadas, siga os passos deste vídeo para remover os rebites e concluir essa etapa.

Espaçamentos

A diferença entre correntes de 9 e 10 velocidades fica entre 2 e 5 décimos de milímetro, parece pouco mas é o suficiente para impedir a compatibilidade entre as peças desses grupos, Cassettes e alavancas de mudança também são diferentes, pois cada mudança de marcha “puxa” o cabo uma certa quantidade de milímetros. As correntes de 9 velocidades são mais largas que as de 10 velocidades, e o Super Cog tem espaçamento de encosto proporcionalmente menor, pois todos as engrenagens são um pouco mais próximas. Para torna-los compatíveis, o Super Cog deve se afastar aqueles 5 décimos do último Cog original do Cassette, o 36 dentes, deixando todos os espaços iguais. Para a maioria dos Cassettes, um pequeno disco recortado de uma garrafa Pet resolve, coloque ele entre o Super Cog e o Cog 36 dentes para ampliar o espaçamento. Cassettes como o que utilizamos no vídeo (Shimano HG 400) ou outro modelo que tenha rebites salientes na parte de trás, também serve de espaçador, desde que encostem no Super Cog. Controle visualmente esse espaço, ele deve ser igual aos demais do Cassette.

img_Rebites_Cassette_9_Velocidades

Neste projeto, os rebites salientes da parte de trás ajudaram a completar o espaço necessário entre o Super Cog e a ultima engrenagem do Cassette com 36 dentes.

O Super Cog deve ser usado com relações 1X10 ou 2X10, neste caso 1X9 ou 2X9, e não se justifica se as 3 coroas forem mantidas, por esse motivo, retiramos 2 das 3 coroas da nossa bike cobaia, uma full suspension aro 26”, embora geralmente essa adaptação seja feita em bikes 27,5” e 29”.

img_Pedaleria_Super_Cog_No_Cassette_9_Velocidades

Nossa cobaia para o experimento, uma MTB full suspension aro 26″ com relação 3X9.

Para fechar com chave de ouro vamos instalar a coroa Narrow Wide, com dentes mais altos de espessura variável, um sistema que minimiza a queda de corrente ou desengate acidental. Principalmente se a bike for usada, essa adaptação merece também uma corrente nova, já que componentes novos e velhos misturados são problemáticos e incompatíveis, e nesse caso, escolhemos a corrente KMC X9SL Silver, que é leve e muito flexível, permitindo curvas acentuadas durante os engate, característica conhecida como “cruzamento de corrente”.

img_Pedaleria_Instalando_o_Super_Cog_Coroa_Narrow

A coroa Narrow Wide com dentes mais altos e de espessura variável, peça fundamental nesta modificação.

Um fato particular de cada adaptação é a posição da coroa única na pedivela, devido ao formato, tamanho do eixo e modelo da bicicleta, a posição ideal de alinhamento da corrente “chain line” deve ser procurada, e para melhorar esse alinhamento, calços no eixo central (adicionar ou retirar) e até arroelas entre a coroa e a pedivela podem ser necessários.

Essa adaptação não é difícil de fazer, embora tenha muitos detalhes e macetes, por isso recomendamos que ela seja feita em uma oficina bem equipada, e por mecânicos experientes. Existem boas bikes utilizando relações de 27 marchas (3X9), e essa adaptação dará uma sobrevida a elas, ficando mais leves, divertidas e fáceis de usar.

img_Pedaleria_Super_Cog_Bike_9_velocidades_Pronta

Terminado o trabalho, sai a velha relação e entra a dupla Super Cog e Coroa Narrow Wide, e como dizem por aí, “menos é mais”.

Bom pedal!

<a href="https://pedaleria.com/autor/educapivara/" target="_self">Edu Capivara</a>

Edu Capivara

Edu Capivara é Delegado Internacional do Biketrial no Brasil desde 1991 e introdutor do esporte em meados da década de 80. É amigo pessoal de Pedro Pi, o inventor do Biketrial e de toda a cúpula da BIU (Biketrial International Union) . Profundo conhecedor do mundo da bike, começou suas aventuras em modalidades como o BMX e o Mountain Bike no início desses esportes no Brasil. Já participou de campeonatos mundiais de biketrial pelo mundo todo, inclusive do primeiro, em 1986 na Europa.

Veja mais

Crescendo no ciclismo com saúde

Crescendo no ciclismo com saúde

Muitos ciclistas querem criar uma rotina de treinos visando participar de competições, mas fazer isso sem orientação acaba levado esse ciclista a outro tipo de rotina, vários dias se recuperando das lesões causadas pelos excessos. Seja um ciclista amador, ocasional,...

Porta objetos para bike

Porta objetos para bike

Existem vários tipos de bolsas para quadro, mas também dá pra fazer modelos personalizados Quando repaginamos a Monark Barra Circular,  eu fiz um porta objetos redondo porque combina com o desenho da bike, agora eu quero propor outros modelos, para quadros...

Comentários

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Cadastre-se em nossa Newsletter