Conheça as ferramentas do Bike Fit

Para entender melhor o significado do Bike Fit (avaliação e regulagem da posição do ciclista na bicicleta), apresentamos a seguir os aparelhos e ferramentas utilizado em um dos sistemas de fit, o (Body Geometry Fit), utilizado por muitos ciclistas e atletas atualmente.

Kit para fazer o Bike Fit

Na tentativa de aperfeiçoar os sistemas usados para descobrir qual seria a postura ideal do ciclista na bicicleta, foram criados não só a metodologia, mas ferramentas, aparelhos e acessórios que ajudam a fazer essa leitura e identificação, equipando o profissional com recursos visuais que facilitam a detecção das anomalias.

Banco de Wells para bike fit

Banco de Wells – Instrumento que revela a flexibilidade do ciclista ou atleta que faz a avaliação.

Não basta apenas comprar a bicicleta do tamanho certo, inúmeros itens podem tornar seu prazer de pedalar em incontáveis horas de dor e sofrimento com cãimbras, lesões, distensões e até desgaste ósseo pela repetição da má postura. Não dá pra generalizar, cada corpo e biotipo é de uma forma, pequeno desvio de coluna, pés chatos, pisada torta, perna encurtada, etc, etc, somos muito diferentes, cada um com suas necessidades específicas, tornando o Bike Fit um diagnóstico de tentativas e erros na hora de identificar o tamanho da mesa, a inclinação do guidão, a altura e posição do selim, etc, até que se encontre a postura ideal.

Avanço ajustável para bike fit

Avanço ajustável, usado para descobrir o melhor tamanho/ângulo da mesa para instalar o guidão.

A importância de escolher um profissional (fitter) que realmente saiba avaliar e medir o ciclista, com base em estudos científicos, em conhecimento da anatomia humana e ergonomia, torna essa ferramenta muito eficaz para um pedalar confortável, prazeroso, atingindo todo o seu potencial físico, sem correr o risco de lesões.

O profissional conhecedor da biomecânica, (estudo da mecânica dos organismos vivos) e da cinesiologia, (estudo para compreensão das forças que atuam sobre um objeto ou corpo humano) e que saiba manipular essas forças para melhorar o desempenho ou prever lesões, é de extrema importância para que o resultado seja positivo.

Goniometro para Bik Fit

O Goniometro mostra a angulação das articulações, como a da perna com o pé no pedal, possibilitando aferir a altura e posição do selim.

Aparelhos e ferramentas com nomes diferentes e até engraçados como o Arch-o-Meter, Banco de Wells, Ass-o-Meter, Goniometro e Pêndulo, são alguns instrumentos utilizados na obtenção das medidas e ângulos. Outros recursos como palmilhas com inclinações, calços para eixos de pedais, trenas, avanço multi-ajustável e níveis, também fazem parte do acervo do fitter, que inicia com um questionário, mede e avalia a elasticidade do ciclista na maca, passando posteriormente para ciclista e bike no rolo de treino, onde é possível pedalar para facilitar a análise dos movimentos e posições de pilotagem.

Conheça o Bike Fit

Entre metodologias simples e sofisticadas, o Bike Fit, é a palavra de ordem do momento, como sistemas simples com prumo, trena e goniometro, aos sistemas com captura de imagens 3D, com ferramentas dinâmicas com luzes laser, leds e softwares especiais como os métodos Dartfish e Retül, onde é notada a melhora do conforto e desempenho dos profissionais ou atletas de final de semana, tornando a convivência com as magrelas uma experiência muito mais agradável.

Bom Pedal!

Agradecimentos a Biketoor por ceder seu equipamento de Bike Fit para essa matéria.

Arch-o-Meter para bike Fit

O Arch-o-Meter registra em placa térmica a impressão da “pisada” do ciclista, revelando o quanto os pés apoiam no chão ou na sapatilha.

Arch-o-img-Meter_Com_Registro_Termal

Pendulo para Bike Fit

O pêndulo, antigo sistema de mostrar alinhamentos na construção civil, ajuda na referência visual de alinhamentos entre o ciclista e a bicicleta.

 

 

Calços para eixo de pedais

Bike Fit - Ajustes para as sapatilhas

<a href="https://pedaleria.com/autor/educapivara/" target="_self">Edu Capivara</a>

Edu Capivara

Edu Capivara é Delegado Internacional do Biketrial no Brasil desde 1991 e introdutor do esporte em meados da década de 80. É amigo pessoal de Pedro Pi, o inventor do Biketrial e de toda a cúpula da BIU (Biketrial International Union) . Profundo conhecedor do mundo da bike, começou suas aventuras em modalidades como o BMX e o Mountain Bike no início desses esportes no Brasil. Já participou de campeonatos mundiais de biketrial pelo mundo todo, inclusive do primeiro, em 1986 na Europa.

Veja mais

Crescendo no ciclismo com saúde

Crescendo no ciclismo com saúde

Muitos ciclistas querem criar uma rotina de treinos visando participar de competições, mas fazer isso sem orientação acaba levado esse ciclista a outro tipo de rotina, vários dias se recuperando das lesões causadas pelos excessos. Seja um ciclista amador, ocasional,...

Porta objetos para bike

Porta objetos para bike

Existem vários tipos de bolsas para quadro, mas também dá pra fazer modelos personalizados Quando repaginamos a Monark Barra Circular,  eu fiz um porta objetos redondo porque combina com o desenho da bike, agora eu quero propor outros modelos, para quadros...

Repaginamos a Monark Barra Circular

A Barra Circular é uma bike clássica, pau pra toda obra mas que merece um upgrade para virar bike conceito No passado, as bicicletas eram modelos únicos, tinha a masculina e a feminina, e eram usadas para tudo, serviam para o transporte, lazer e competição. Com o...

Comentários

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Cadastre-se em nossa Newsletter